file

FIAT SPA E CHRYSLER GROUP LLC APRESENTAM RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 2012

[Institucional]

04/06/2013

Iniciativas desenvolvidas pela Fiat no Brasil ganharam destaque no Relatório de Sustentabilidade 2012 da Fiat SpA e da Chrysler Group LLC. Na publicação, que segue a metodologia GRI (Global Reporting Initiative), estão reunidas as principais realizações e conquistas do último ano em todas as unidades do grupo Fiat Chrysler, além dos objetivos e metas do grupo para o futuro. Entre as ações da Fiat Automóveis retratadas no relatório está o programa Árvore da Vida, uma plataforma de relacionamento com a comunidade que foi eleita, em 2012, como uma das melhores práticas brasileiras que contribuem com os Objetivos do Milênio no prêmio ODM Brasil.

O Árvore da Vida orienta e estrutura programas baseados no princípio de que oferecer oportunidades aos jovens significa dar chances para que se tornem protagonistas de transformações individuais e coletivas, por meio do acesso a atividades socioeducativas, de esporte, de capacitação profissional, de geração de trabalho e renda, de cultura, de cidadania e de fortalecimento comunitário. Dividido nos eixos Jardim Teresópolis, Capacitação Profissional e Parcerias, o Árvore da Vida tem conquistado resultados expressivos, com mais de 17 mil pessoas beneficiadas desde 2004 na comunidade do Jardim Teresópolis, localizada em frente à fábrica da Fiat em Betim (MG) e que concentra cerca de 40 mil moradores. 

Na cidade de Goiana, em Pernambuco, antes mesmo do início das obras da segunda fábrica de automóveis da Fiat no Brasil, as ações de relacionamento com a comunidade começaram a ser desenvolvidas. O ponto de partida foi a elaboração de um amplo diagnóstico sociocultural, econômico e ambiental de 16 municípios no entorno da futura unidade, com o objetivo de conhecer a realidade local. “A Fiat Automóveis entende a sua presença na região  através da integração à comunidade”, explica o diretor de Comunicação e Sustentabilidade da Fiat Chrysler, Marco Antonio Lage, acrescentando que a empresa tem dialogado com diferentes interlocutores dos municípios, como governos, moradores, ONGs e universidade.

Outro projeto que ganhou espaço no Relatório de Sustentabilidade 2012 foi o carro conceito Uno Ecology, concebido em 2010 e que foi apresentado durante a Rio+20. O modelo ganhou contornos sustentáveis, como bancos feitos de fibra de coco e látex, revestimento dos bancos e tapetes a partir de PET reciclado, entre outros. Para o analista sênior de Engenharia de Produto da Fiat Automóveis, Júlio Souza, dezenas de pessoas estão envolvidas em pesquisas e estudos para fazer com que o carro ecológico ganhe espaço nas ruas. “Acreditamos que nossos clientes vão se tornar mais conscientes no futuro. Então, o que procuramos é alcançar aquilo que o nosso cliente vai buscar”, ressalta Souza.

Prova de que esse pensamento reflete o comportamento do consumidor é que, como mostra o Relatório de Sustentabilidade, 96% dos veículos Fiat vendidos no Brasil usam tecnologia Flexfuel ou TetraFuel, permitindo o uso de combustíveis de diferentes fontes, e não apenas a gasolina.

 

O RELATÓRIO

O relatório mostra de que forma a sustentabilidade das empresas permeia todas as fases do ciclo de vida de um veículo – desde o projeto até o uso do veículo e descarte final. Em suas páginas, fica claro o compromisso do Grupo em gerar valor de forma responsável no que se refere à boa governança corporativa; produtos que respeitam o meio ambiente e processos de fabricação; ambiente de trabalho saudável, seguro e inclusivo; e as relações construtivas com as comunidades locais e parceiros de negócios.

"Nossa filosofia empresarial, segundo a qual a excelência do produto caminha de mãos dadas com o ato de agir de forma responsável, envolve todos, em toda a organização, a começar pela    alta gestão", disse Sergio Marchionne, CEO da Fiat SpA e da Chrysler Group LLC. "Cerca de 215 mil pessoas ao redor do mundo colocam em prática essa filosofia todos os dias por meio do empenho e dedicação, de forma a tornar a Fiat Chrysler um grupo forte e competitivo, sem nunca perder de vista a nossa obrigação moral de contribuir para o bem-estar da sociedade e para a construção de um futuro melhor".

O Relatório confirmou o nível de aplicação máxima (A+) das diretrizes G3.1 da Global Reporting Initiative (GRI). Ele foi auditado externamente e garantido pela SGS Italia SpA, em conformidade com o processo interno da Sustainability Reporting Assurance SGS (relatório de garantia de sustentabilidade) junto às diretrizes GRI-G3.1 e a norma AA1000 APS (2008). O GRI é a estrutura de informações mais utilizada para atuação em questões ambientais, sociais e de cidadania corporativa.

Clique aqui para acesso ao Relatório de Sustentabilidade 2012